terça-feira, 29 de março de 2011

Clipe da semana: The Chemical Brothers - Believe (No ads)

The Chemical Brothers é uma dupla inglesa composta por Tom Rowlands e Ed Simons, e seu som eletrônico já animou muitas festas pelo mundo. Mas, o que me chama a atenção dessa dupla são seus clipes...sempre muito bem feitos.
São clipes de ótima qualidade e de muita criatividade que podem, sem exagero, ser considerados verdadeiras obras-primas.

Irei mostrar um clipe, um dos melhores clipe que já vi em toda minha vida, onde um rapaz é perseguido por um robo industrial. Esse clipe tem um tom de realidade e fantasia, mostrando uma crítica contra o desenvolvimento industrial onde o homem perde seu espaço para as máquinas.

Apreciem essa obra de arte:

segunda-feira, 28 de março de 2011

O Cinema: Grandes Diretores de Hollywood - Parte 1

Sou um apreciador da Sétima Arte desde criança. Na verdade sou apaixonado por esta arte...o Cinema me fascína!

Irei, através desse blog, compartilhar algumas informações dessa arte que encanta o mundo. Para começar falarei dos diretores que se destacam em Hollywood e que contribuíram muito para o cinema. O estreante dessa seção será...Steven Spilberg:

Spilberg nasceu em Cincinnati, no dia 18 de Dezembro de 1946, mas morou grande parte de sua vida em Phoenix. Assim como muitos outros cineastas, começou a filmar com uma câmera Super 8, ainda na infância. As três irmãs mais novas quase sempre atuavam em seus filmes caseiros.


De origem judia, Spielberg sofria preconceito e brincadeiras antissemitas, muita vezes por parte dos vizinhos. O que talvez explique seu interesse pelo tema da Segunda Guerra e das atrocidades sofridas pelos judeus. A Lista de Schindler, de 1993, ainda hoje é considerado um fiel retrado do terror perpetrado pelos naziztas e lhe rendeu um Oscar de Melhor Diretor.

A Lista de Schindler

Em 1969 fez seu primeiro curta profissional, Amblin, e com ele ganhou prêmios importantes, como o do festival de Veneza. Por esse filme ganhou um contrato com a Universal, onde teria a oportunidade de realizar o seu primeiro longa-metragem, Encurralado, de 1972. O filme (Duel, no original) foi produzido para a televisão, mas fez tanto sucesso que acabou por ser lançado nos cinemas, impulsionando a carreira do realizador, então com apenas 26 anos de idade.

O Resgate do Soldado Ryan

Em 1975 Spielberg dirigiu aquela que é considerada a obra seminal dos blockbusters, faturando mais de 100 milhões de dólares. O Tubarão conquistou plateias do mundo inteiro, contando a história da cidade turística aterrorizada por um tubarão gigante.

Depois de tubarão, tudo que Spielberg fez virou sucesso: Os Caçadores da Arca Perdida (1981), E.T  O Extraterrestre (1982), Jurassic Park (1993), O Resgate do Soldado Ryan (1998), e outros filmes produzidos por ele como Gremlins (1984), a trilogia De Volta para o Futuro, Homens de Preto...entre outros.

                                           Tubarão

Spielberg foi um dos fundadores da Dream Works, um dos principais estúdios de Hollywood, vendido no início de 2006 aos estúdios Paramount.

Seus filmes tem o poder de nos proporcionar momentos de diversão e emoção, desde de filmes de aventura até os dramas sobre a Segunda Guerra. Suas obras marcaram a vida de muitas pessoas...inclusive a minha. Graças a seus filmes sou um amante do Cinema.

Filmografia como Diretor:

2008 - Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal
2005 - Munique
2005 - Guerra dos Mundos  
2004 - O Terminal
2002 - Prenda-me se for capaz
2002 - Minority Report - A Nova Lei
2001 - A.I. - Inteligência Artificial (A.I.)
1999 - The Unfinished Journey
1998 - O Resgate do Soldado Ryan
1997 - Amistad
1997 - O Mundo Perdido - Jurassic Park
1993 - A Lista de Schindler
1993 - Jurassic Park - Parque dos Dinossauros
1991 - Hook - A Volta do Capitão Gancho
1989 - Além da Eternidade
1989 - Indiana Jones e a Última Cruzada
1987 - Império do Sol
1985 -A Cor Purpura
1984 - Indiana Jones e o Templo da Perdição
1983 - No Limite da Realidade - co-dirigido com Joe Dante, John Landis e George Miller.
1982 - E.T. - O Extraterrestre
1981 - Os Caçadores da Arca Perdida
1979 - 1941 - Uma Guerra Muito Louca -
1977 - Contatos Imediatos de Terceiro Grau
1975 - Tubarão
1974 - Louca Escapada
1973 - Savage (TV)
1972 - Something Evil (TV)
1971 - Encurralado (Duel) (TV)
1969 - Amblin (curta-metragem)

terça-feira, 22 de março de 2011

"Você que teve sua infância durante os anos 60, 70, 80... "


" Responda uma coisa:
Você que teve sua infância durante os anos  60, 70, 80... Como pôde sobreviver???


1 - Os carros não tinham cintos de segurança, apoios de cabeça e nem air-bag!!!
2 – Íamos soltos no banco de trás fazendo aquela farra! E isso não era perigoso!
3 - As camas de grades e os brinquedos eram multicores e no mínimo pintados com umas tintas “duvidosas“ contendo chumbo ou outro veneno qualquer.
4 - Não havia travas de segurança nas portas dos carros, chaves nos armários de medicamentos,detergentes ou químicos domésticos.
5 – A gente andava de bicicleta para lá e pra cá, sem capacete, joelheiras, caneleiras e cotuveleiras...
6 - Bebíamos água da torneira, de uma mangueira, ou de uma fonte e não águas minerais em garrafas ditas...¨esterilizadas¨...
7.- Construíamos aqueles famosos carrinhos de rolimã e aqueles que tinham a sorte de morar perto de uma ladeira asfaltada, podiam tentar bater records de velocidade e até verificar no meio do caminho que tinham "economizado“ a sola dos sapatos, que eram usados como freios...E estavam descalços...
8 - Íamos brincar na rua com uma única condição: voltar para casa ao anoitecer! Não havia celulares...  E nossos pais não sabiam onde estávamos.  Incrível!!
9 - Tínhamos aulas só de manhã,  e íamos almoçar em casa.
10 - Gessos, dentes partidos, joelhos ralados... Alguém se queixava disso? Todos tinham razão, menos nós ...
11 - Comíamos doces à vontade, Pão com manteiga, bebidas com o (perigoso) açúcar. Não se falava de obesidade - brincávamos sempre na rua e éramos super ativos ...
12 - Dividíamos com nossos amigos uma Tubaína comprada naquela vendinha da esquina, gole a gole e nunca ninguém morreu por isso ....
13 - Nada de Playstations, Nintendo 64, X box, jogos de Vídeo , Internet por satélite, DVD, Blu-Ray,
Dolby surround, celular com câmera, c
omputador, chats na Internet ... só amigos.
14 - E os nossos cachorros? Lembram? Nada de ração. Comiam a mesma comida que nós (muitas vezes os restos), e sem problema algum! Banho quente? Xampú? Que nada! No quintal, um segurava o cão e o outro com a mangueira (fria) ia jogando água e esfregando-o com (acreditem se quiserem) sabão (em barra) de lavar roupa! Algum cachorro morreu (ou adoeceu) por causa disso??
15 - A pé ou de bicicleta, íamos à casa dos nossos amigos, mesmo que morassem a kms de nossa casa,
entrávamos sem bater e íamos brincar.
16 - É verdade! Lá fora, nesse mundo cinzento e sem segurança! Como era possível? Jogávamos futebol na rua, com a trave sinalizada por duas pedras, e mesmo que não fossemos escalados ... ninguém ficava frustrado e nem era o “FIM DO MUNDO“!
18 - Tínhamos: Liberdade, Fracassos, Sucessos, Deveres...e aprendíamos a lidar com cada um deles
A única verdadeira questão é: como a gente conseguiu sobreviver??? 
E acima de tudo, como conseguimos desenvolver a nossa 
 personalidade? Você também é dessa geração?
Se sim, então conte aos seus amigos desse tempo, e também aos seus filhos e sobrinhos, para que eles saibam como era no...Nosso tempo !
Sem dúvida vão responder que era uma chatice, mas ...Como éramos felizes!!!"
Autor: Dejan Trifunovic!

sexta-feira, 18 de março de 2011

"O Voto da Onu"

"No dia 10 de Novembro de 1998, por ocasião de um voto histórico firmado por todos os ganhadores do prêmio Nobel da paz vivos até então, a Organização das Nações Unidas proclamou que a primeira década do século XXI (2001-2010) seria "a década da paz e não da-violência para as crianças do mundo". Esse texto deveria ser ensinado em todas as escolas e recebeu o apoio de vários grupos religiosos, dos meios de comunicação e de organizações não-governamentais. Vinte países se comprometeram com essa ação.

Ficamos felizes com tal decisão porque o século XX foi o mais sangrento da histório humana. Como não desejar paz e a justiça entre os homens? No entanto, para que servem as boas intenções? São como palha leveda ao vento, desmoronam rapidamente sob a pressão de interesses divergentes. Os primeiros anos deste século foram marcados por violência ainda maior.

A guerra tem origem na violência que existe em cada indivíduo. Há um paralelo entre o mal na sociedade e o mal no ser humano. A diferença é que cada um pode lidar com o seu próprio  coração, mas não pode fazer quase nada para corrigir a sociedade . Eu sou responsável por mim mesmo, e não posso me basear na fraqueza dos outros para desculpar ou justificar o mal que cometo. Porém, como mudar minha natureza? O evangelho dá a resposta: Deus, e somente Deus, pode e quer me transformar! Ele purifica o interior e a consciência dos que buscam a Ele por intermédio de Jesus Cristo. E, além disso, Ele derrama Seu amor no coração daquele que crê e o faz participante e Sua própria natureza divina."

(Extraído do Livro: " Boa Semente")

quinta-feira, 17 de março de 2011

BULLYING

Bullying: é um termo em inglês utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos com o objetivo de intimidar ou agredir outro indivíduo incapaz de se defender. Também existem as vítimas/agressoras, ou autores/alvos, que em determinados momentos cometem agressões, porém também são vítimas de bullying pela turma.

Apesar de todo mundo já está informado sobre o que é  o Bullying e onde ele é praticado (escolas ou local de trabalho), ele ainda continua fazendo vítimas todos os dias ao redor do mundo.
Se você nunca sofreu desse mal (ou praticou), talvez conheça alguem que já sofreu em algum momento na vida desse mal que as vezes deixa marcas irreparáveis.

Crianças que sofrem desse mal podem se torna em adultos com problemas de relacionamentos e baixo autoestima, podendo, inclusive, contrair um comportamento agressivo.
O(s) autor(es) das agressões geralmente são pessoas com relacionamento familiar precário, vivendo em famílias destruturadas, se tornando em pessoas sem empatia. Já o(s) alvo(s) são pessoas pouco sociáveis sem nenhum poder de reaçao, e sem forças para combater o bullying. Se tornando em pessoas inseguras.

O ambiente mais comum de um bullying é o ambiente escolar. O simples fato de uma criança ser baixa, gorda, portadora de alguma deficiência ou praticante de uma religião diferente das demais crianças já são motivos para sofrer abusos.
Isso acontece pelo fato da família do(s) agressor(es) não ensinar que se deve respeitar o próximo, independente de quão "diferente" a pessoa possa parecer.

E a escolas também têm responsabilidade de reprimir o bullying. As escolas não devem "fechar" os olhos para o problema, e sim combate-lo com campanhas educacionais e notificando os pais de tal ocorrido.
Os atos de bullying ferem princípios constitucionais – respeito à dignidade da pessoa humana – e ferem o Código Civil, que determina que todo ato ilícito que cause dano a outrem gera o dever de indenizar. O responsável pelo ato de bullying pode também ser enquadrado no Código de Defesa do Consumidor, tendo em vista que as escolas prestam serviço aos consumidores e são responsáveis por atos de bullying que ocorram dentro do estabelecimento de ensino/trabalho.

Não sou a favor da violência, sou uma pessoa pacífica. Mas para uma vítima que sofre de bullying há muito tempo, a única alternativa é responder com violência. Repito: não sou a favor da violência...mas quando nossa integridade está em perigo...somos obrigados, por instinto, a nos defender.
E foi isso que aconteceu em uma escola australiana, quando um menino identificado como Casey Heynes sendo agredido por um colega em um colégio da cidade de Dunheved, enquanto outros jovens riem e acompanham a cena. Heynes não reage aos primeiros golpes, até o momento em que ele passa a se defender e aplica um golpe, no melhor estilo "Street Fighter", em seu agressor.

Seu ato viro um símbolo da luta contra o bullying. E eu apoio plenamente! O agressor nunca mais irá abusar!

Veja o video:



Valeu Casey! Esse indivído nunca mais irá se meter com você!

terça-feira, 8 de março de 2011

Recomendo: "KICK-ASS"


"Filmaço"! É um dos adjetivos que me vem à cabeça para descrever esse filme baseado em quadrinhos!
Com cenas de ação fantásticas, muito humor e totalmente violento, KICK ASS se consagra como um dos melhores filmes de 2010.

O roteiro inteligente e agil, com reviravoltas e referências da cultura pop, retrata a vida de um adolescente comum que se questiona: "por que ninguem tentou ser um super-herói de verdade?"


Mesmo não possuindo super poderes ele se torna no Kick Ass, um vigilante na luta contra o crime...mas percebe que isso é mais perigoso que ele imaginava.

O destaque fica para a Chloe Moretz que interpreta a Hit Girl. Treinada pelo pai , o Big Daddy, para matar mas nas horas vagas é uma menina normal. Suas cenas de ação são de tirar o folego e deixará muito telespectador incomodado pela veracidade da violência.


Eu que gosto desse universo de super-heróis, achei legal essa nova abordagem do tema. Por mais que KICK ASS lembre HOMEM ARANHA, o que é proposital, Kick Ass se sai melhor pela realidade mostrada. Em sua primeira atitude de heroismo Kick Ass é esfaqueado e acaba no hospital.  Kick-Ass, é um super-herói de mentira, que não tem muita prática no ofício, apenas o otimismo e a inocência necessária. Quem o ajuda são dois especialistas: Big Daddy  e Hit Girl .


KICK ASS é um filme politicamente incorreto, principalmente pela cena em que Hit Girl é presenteada pelo seu pai...em vez de boneca, a menina ganha armas! Sem contar nos palavrões que ela fala durante o filme!

 Merece ser assistido! Já garanti o DVD do filme na minha coleção...rsrs.

Nota: 10

segunda-feira, 7 de março de 2011

"Quais são Nossas Grandes Pedras?"


"Um professor que esteve dando um curso sobre organização do tempo usou a seguinte ilustração: pegou um balde vazio e o encheu de pedras. Então perguntou: - O balde está cheio? - Sim, responderam os alunos. Depois colocou vários quilos de cascalho até preencher todo o balde. - Está cheio agora? - Sim, é claro! Será mesmo?, disse ele tirando de um saco outros vários quilos de areia fina,que penetrou nos lugares vazios deixados pelo cascalho e pedras.
- Que grande verdade nos ensina essa pequena experiência?. perguntou aos estudantes.

Um deles arriscou: - Que em nossa agenda cabe mais coisas que pensamos . Sempre se pode acrescentar algo.
- Depende do que você acrescenta. Sim, amigos, pensem um momento. Se eu tivesse começado pela areia e pelo cascalho, as pedras grandes não teriam lugar no balde. Eu quero que percebam que na vida se deve começar colocando o essencial: nosso relacionamento com Deus, com nosso cônjuge, com nossos filhos, amigos, etc. Por outro lado, preferir as distrações e as futilidades é como encher o fundo do balde com areia e cascalho; é impossível colocar as pedras grandes! Com que vocês têm enchido o balde de sua vida?

É uma pergunta boa! Com o quê você têm enchido o seu balde?"

(Extraído do livro: Boa Semente)

sábado, 5 de março de 2011

CARNAVAL: A FESTA PAGÃ

O Carnaval, uma festa que arrasta multidões para as ruas, desfiles majestosos, comilança, bebidas, liberação sexual e ás vezes violência.
Mas muita gente que curti o carnaval (que não é o meu caso) sequer sabe de sua origem. Na minha pesquisa encontrei na "The Grolier Multimedia Encyclopedia" a seguinte informação:

"O Carnaval é uma celebração que combina desfiles, enfeites, festas folclóricas e comilança que é comumente mantido nos países católicos durante a semana que precede a Quaresma. Carnaval, provavelmente vem da palavra latina "carnelevarium" (Eliminação da carne), tipicamente começa cedo no ano novo, geralmente no Epifânio, 6 de Janeiro, e termina em Fevereiro com a Mardi Gras na terça-feira da penitência (Shrove Tuesday)."

Mas os Romanos e Gregos mudaram o nome como um pretexto para que eles continuassem com suas comemorações pagãs, lembrando que a igreja Católica ditava as regras e não seria bom ter uma festa pagã.

"Provavelmente originário dos "Ritos da Fertilidade da Primavera Pagã", o primeiro carnaval que se tem origem foi na Festa de Osiris no Egito, o evento que marca o recuo das águas do Nilo. Os Carnavais alcançaram o pico de distúrbio, desordem, excesso, orgia e desperdício, junto com a Bacchanalia Romana e a Saturnalia. Durante a Idade Média a Igreja tentou controlar as comemorações. Papas algumas vezes serviam de patronos, então os piores excessos eram gradualmente eliminados e o carnaval era assimilado como o último festival antes da ascensão da Quaresma. A tradição do Carnaval ainda é comemorada na Bélgica, Itália, França e Alemanha. No hemisfério Ocidental, o principal carnaval acontece no Rio de Janeiro, Brasil (desde 1840) e a Mardi Gras em New Orleans, E.U.A. (dede 1857). Pré-Cristãos medievais e Carnavais modernos tem um papel temático importante. Eles celebram a morte do inverno e a celebração do renascimento da natureza, ultimamente reunimos o individual ao espiritual e aos códigos sociais da cultura. Ritos antigos de fertilidade, com eles sacrifícios aos deuses, exemplificam esse encontro, assim como fazem os jogos penitenciais Cristãos. Por outro lado, o carnaval permite paródias, e separação temporária de constrangimentos sociais e religiosos. Por exemplo, escravos são iguais aos seus mestres durante a Saturnália Romana; a festa medieval dos idiotas inclui uma missa blasfemiosa; e durante o carnaval fantasias sexuais e tabus sociais são, algumas vezes, temporariamente suspensos." (The Grolier Multimedia Encyclopedia, 1997. Traduzido por Irlan de Alvarenga Cidade)

Através dessa explicação, vemos que tentaram mascarar essa festa pagã como se fosse uma festa Cristã. Mas o que vemos nos desfiles e em outras celebrações pelo Brasil afora, não há nada de cristão nessa festa. Muito pelo contrário!

As pessoas que curtem o carnaval, na verdade estão atrás de prazeres carnais, sexo à vontade com quantos você poder. Não é a toa que fazem uma campanha "maçiça" para o uso da camisinha. Não há nada de cristão nessa festa!

Eu não gosto de carnaval, nunca gostei, na verdade eu odeio o carnaval! Não vejo graça, e nem tenho vontade de acompalhar os defiles...prefiro dormir!
E o que me deixa mais indignado é o fato de milhares de pessoas gostarem do carnaval, mas nem sabem sua origem e significado. Bom...o que esperar de um país que elege Tiririca como deputado!

sexta-feira, 4 de março de 2011

quinta-feira, 3 de março de 2011

"Um Tesouro em Pompéia"


"Nas escavações das ruínas de Pompéia, cidade italiana arrasada pela erupção do Vesúvio em 79 d.C., foi encontrado o corpo de uma mulher adornado com muitas jóias. Ela usava braceletes, colares, anéis e magníficos brincos.

Podemos imaginá-la desesperada ao perceber o perigo se aproximando. Correndo para salvar as coisas mais preciosas que possuía, foi surpreendida pelas cinzas que se moviam mais rápido do que ela mesma. Séculos mais tarde, aquela mulher seria personagem principal de uma cena impressionante: um tesouro praticamente intacto sobre um corpo sem vida!

De maneira semelhante, hoje há milhões de pessoas que parecem ter somente uma idéia fixa: preservar seus bens materiais- quer poucos ou muitos- a qualquer custo.
Permanecem agarradas ao que possuem até o último suspiro. Os bens ficam, seus donos passam. O corpo é enterrado, mas e a alma? Para onde irá?

Um dia uma catástofre ainda maior e infinitamente mais profunda que a de Pompéia se abaterá sobre o mundo inteiro. O Senhor Jesus Cristo, o Rejeitado, aparecerá em glória para executar o julgamento, do qual o Evangelho adverte. Os que acumulam riquezas, mas não têm vivido para Cristo, serão despojados de tudo e lançados nas trevas eternas.

As verdadeiras riquezas da alegria e da paz, as únicas coisas que poderemos levar conosco para além da sepultura, somente nos podem ser dadas pelo Senhor Jesus Cristo, o Salvador do mundo."

(Extraído do livro: Boa Semente)

quarta-feira, 2 de março de 2011

Meus Desenhos - Parte 2

Um pouco mais da minha "arte"....rsrsrsrs...